Você sabe o seu endereço no universo?

0
137
Via Láctea -Lajeado de Pai Mateus - Cabaceiras - PB - Brasil - Por Ruy Carvalho - Foto meramente ilustrativa do texto.

Imagine que você seja abduzido por uma nave tripulada por seres maldosos de um planeta longínquo no universo em uma galáxia muito, muito distante.

Imagine que depois de contactá-lo e levá-lo para um passeio no universo eles o levem para ser escravizado por eles.

Mas espere, não está tudo perdido! Uma outra nave da frota da polícia galáctica, intercepta a nave dos alienígenas ruins e encontra você. Eles vão te salvar! O comandante da nave de resgate te pergunta:

– De qual lugar no espaço você vem?
– Do planeta Terra ora! Responde você.
– Terra? onde fica esse lugar?
– É um planeta azul!
– Planeta azul? Rapaz, o que não falta é planeta com essa cor no universo…
– É mesmo? Mas este fica no Sistema Solar! No sistema solar, saca? Todo mundo conhece!
– Sistema solar? Filho… – diz o comandante – o espaço cósmico é imenso! Qual a localização precisa desse tal sistema solar? Qual o seu endereço no universo?
– Endereço? No universo? Como assim?

Bom a coisa encrencou de vez. Você está a milhões de anos luz da Terra e não sabe sua localização no imenso e infinito universo que te rodeia.

Você olha através da escotilha da nave de resgate e vê diante de si uma inumerável quantidade de pontos luminosos pequenos e grandes. E muitos azuis!

Uma infinidade de astros salpicando a imensidão. Mas onde está a Terra? Cadê o sol? Então você começa a chorar…

Nosso planeta é o terceiro a partir do sol, uma estrela amarela dentre muitos trilhões de outras iguais e diferentes.

O sistema solar se localiza na Via Láctea uma galáxia em espiral. Nosso sistema planetário está em uma das bordas desta galáxia quase na extremidade de uma das suas espirais.

O sistema solar está no braço espiral de Órion entre o braço Perseus mais externo e o braço Sagitário mais interno.

Mas o sol é apenas uma estrela diminuta, um pontinho entre bilhões e bilhões de outros sóis nesta região da galáxia.

Como referencial astronômico a estrela mais brilhante perto de nós é a Betelgeuse (428 anos luz do sol) e a Sírius (8,6 anos luz do sol)

Nossa galáxia é apenas uma de um super aglomerado local de galáxias denominado LANIAKEA, que no idioma havaiano significa “Imenso Céu”.

A Via Láctea é uma das cerca de 100 mil outras galáxias que fazem parte desse grande aglomerado!

Será que com esses dados você poderá dar uma pequena idéia da sua localização no universo para o comandante da nave de resgate?

– Bom vamos lá… diz você – Eu moro na cidade Parati, Estadodo Rio de Janeiro, no país chamado Brasil, continente América do Sul, no planeta Terra, o terceiro planeta a partir da estrela amarela chamada sol, Sistema Solar, galáxia Via Láctea, uma galáxia em espiral. O sistema Solar está em uma das bordas desta galáxia quase na extremidade de uma das suas espirais, mais precisamente no braço espiral de Órion entre o braço Perseus mais externo e o braço Sagitário mais interno.
– Sim… E em qual região do universo se encontra essa tal galáxia Via Láctea?
– Isso eu sei informar também… Fala você animado, já se sentindo salvo – Fica no super aglomerado galático de LANIAKEA! A via Láctea é vizinha da galáxia de Andrômeda e da Grande Nuvem de Magalhães…

E esboça um sorrisinho de sabichão.

– Tá bom… volta o comandante – Mas você sabe quantos super aglomerados como este existem no universo?
– Não… Nunca pensei sobre isso… sempre pensei que a Terra era o lugar mais importante do cosmos!!!

Uma estridente gargalhada interrompe sua fala e você se assusta com tamanha falta de respeito…Você está indignado! Como assim, um comandante de uma nave intergaláctica não sabe levar você de volta para sua casa? e ainda ri da sua cara?

– Filho… Vejo que seu conhecimento acerca de sua localização é impreciso, insuficiente e os dados são ilógicos… Você ficará conosco… pelo menos por enquanto… é o que podemos fazer…
– Mas eu quero voltar para minha casa! Quero voltar para meu planeta!
– Casa? Sua casa? Seu planeta? Deixa eu te dizer uma coisa… você e eu não somos nada diante dessa imensidão que você vê lá fora… Nada! Nós somos apenas a representação de uma diminuta partícula de um átomo de um minúsculo grão de poeira cósmica nesse espaço infinito…

E agora? Você daria tudo para ver de novo nem que fosse de muito longe como um “pálido ponto azul” perdido na imensidão, a Terra, a sua casa no cosmos!

Então, com seu olhar perdido através da escotilha da nave, você se pergunta… Qual o meu endereço no universo?

Bibliografia

The carl Sagan Portal – http://www.carlsagan.com/

Foto: Sessão noturna vista do Lajedo de Pai Mateus, Município de Cabaceiras, Cariri paraibano – por Ruy Carvalho – tomada em 25 de abril de 2015, 02:10:07

By Ruy Carvalho (Own work) [CC BY-SA 3.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0)], via Wikimedia Commons

Acesso em:

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/2/2b/Lajedo_de_Pai_Mateus_-_Cabaceiras_-_PB.jpg

(Estória adaptada com dados atualizados de uma estória em quadrinhos de um antigo livro de geografia de uma autora chamada Yone)

Não consegui na internet a referência completa desse livro. Se algum leitor se lembrar ou o tiver favor entrar em contato e nos ajudar a completar o referencial bibliográfico.

ONDE PESQUISAMOS – Clique e saiba. Todos os direitos reservados – © Copyright 2015/2017 – Biota do Futuro.

Deixe uma resposta