19.4 C
/ MARCA REGISTRADA / Todos os direitos reservados / BETIM - MINAS GERAIS
quinta-feira, 21 setembro, 2017
O PLANETA É DE TODOS!

Uma gota, um galho representa o mundo e até mesmo o universo para muitas criaturas.

Ao arrancar uma simples folha podemos estar destruindo o lar de vários seres tão importantes quanto nós no contexto da vida.

frog-643480_1280

A Biologia da Conservação visa a buscar soluções e estratégias para proteger a biodiversidade como riqueza primordial e essencial na economia da natureza para a manutenção e sustentação da vida.

Alguns pressupostos embasam o seu campo de ação:

-Toda espécie tem o direito de existir.

-Todas as espécies são interdependentes e interagem de modo complexo, sendo que a perda de uma, afeta a existência das demais.

– A espécie humana está sujeita às mesmas leis naturais que regem as demais e o seu desenvolvimento como o dos demais organismos está limitado pelas condições e capacidade de suporte do meio ambiente natural.

– As sociedades humanas têm o dever de proteger o planeta Terra e utilizar os seus recursos de forma responsável no intuito de preservá-los e não esgotá-los garantindo assim a sobrevivência das futuras gerações.

– O respeito à diversidade humana deve ser extendido e praticado para com a diversidade biológica.

– A natureza tem um valor estético e espiritual que transcende o seu valor econômico.

– A diversidade biológica é imprescindível nos estudos sobre a vida e sua evolução.

– O mundo ecológico é equilibrado e a presença humana e suas atividades devem ser consideradas como causa de interferências que afetem esse equilíbrio.

O ambiente físico tem grande influência sobre os organismos vivos. Os fatores físicos ou abióticos determinam adaptações importantes por parte dos organismos de um habitat ou ecossistema de maneira que possam tirar o máximo proveito das condições do meio em que vivem.

Mas também os organismos vivos que compõem a BIOTA promovem alterações sobre o ambiente físico, transformando a sua química e a sua estrutura ao longo do tempo, modificando as condições de vida.

A HIPÓTESE GAIA sustenta que os organismos vivos evoluíram junto com o ambiente físico influenciando a geoquímica do planeta de modo a permitir a proliferação da vida superior na Terra.

Como isso ocorreu? Através de suas atividades biológicas os organismos primitivos foram trabalhando a superfície e a atmosfera do globo, reciclando nutrientes, complexando moléculas, produzindo oxigênio, fixando CO2, alterando a estrutura das rochas, modificando o Ph dos solos e das águas de maneira que passaram a controlar por retroalimentação o ambiente, abrindo condições para o desenvolvimento das plantas superiores e dos animais.

Então ao longo do tempo evolutivo da terra, a atividade biológica coordenada proporcionou o surgimento de sistemas naturais cada vez mais complexos, com capacidade de reduzir as flutuações dos fatores físicos tornando os ambientes mais amenos e propícios à sua própria evolução.

Entretanto, os componentes bióticos que sustentam o controle da biosfera estão sendo destruídos de forma acelerada com risco iminente do equilíbrio global ser rompido. Isso pode gerar uma grande tragédia para o sistema Terra.

A biosfera é um sistema complexo, com um funcionamento controlado pela biota em suas diversas formas de manifestação nos variados ecossistemas que são inter relacionados e interdependentes.

A capacidade de suporte do planeta às interferências antrópicas têm limite e este limite está por um fio de ser ultrapassado com grande risco para a vida como a conhecemos.

Desde o seu surgimento e principalmente após algum momento posterior a 70 mil anos atrás a espécie humana tem interferido sobremaneira sobre os ecossistemas.

Esse momento marca a saída do Homo sapiens, o homem moderno do continente africano, berço de sua origem.

Desde então após conquistar e colonizar todos os ambientes da Terra, o homem tem alterado os sistemas naturais, causando desequilíbrios ecológicos, extinção de espécies, inclusive de seus antecessores mais primitivos os Neandertais.

As alterações antropogênicas sobre a crosta, afetam as condições de vida dos diversos organismos, com desequilíbrios tanto na parte biótica como na abiótica da natureza.

Mas muitas vezes esses desequilíbrios afetam primeiro alguns organismos mais sensíveis às mudanças das condições ambientais como um aviso que sinaliza para uma desordem maior.

Esses organismos são chamados de bio indicadores e revelam sinais de impactos que estejam afetando a qualidade ambiental de um determinado habitat.

A posição do organismo bio indicador na cadeia trófica, diz sobre sua importância como indicador de alterações ambientais importantes. Quanto mais baixo seu nível trófico, principalmente se for base da cadeia alimentar maior sua importância como bio indicador.

São exemplos de bio indicadores, as libélulas, as joaninhas, as borboletas, as abelhas, as formigas as vespas, os líquens, protozoários aquáticos, bactérias e fungos dos solos.

A CONSERVAÇÃO DOS OCEANOS É VITAL PARA O CLIMA E PARA TODOS OS ORGANISMOS DO PLANETA

 

turtle-54_1280

Os oceanos cobrem cerca de 70% de toda a superfície do planeta.

As águas oceânicas são importantes para o equilíbrio climático com relevância para o papel desempenhado pelas correntes marinhas na regulação dos ventos e das temperaturas em todo o globo.

Os oceanos são sumidouros de carbono, capturando as emissões de CO2 produzidos pelas atividades antrópicas através do metabolismo do fitoplâncton e das interações de suas cadeias tróficas.

No Brasil são 8.688 km de litoral que se estende por 200 milhas Atlântico adentro. É uma vastidão de vida e de biodiversidade que precisa ser preservado.

Infelizmente, menos de 1% dos ambientes marinhos do Brasil são protegidos. O descaso é imenso. E cada vez poluímos mais esse riquíssimo ecossistema, com esgotos e lixo de toda ordem!

Além disso não existe fiscalização, sendo ainda as leis ambientais muito brandas, o que faz com que a pesca comercial não respeite nem mesmo os períodos de reprodução, nem os tamanhos mínimos, com suas técnicas predatórias.

O Brasil precisa urgentemente de Políticas Publicas de proteção da nossa biodiversidade marinha! Fale com o Senador ou Deputado que você elegeu sobre isso!